ENSINO FUNDAMENTAL II

09/04/2010

 

 05.06.2014

 
As medalhas que vêm do espaço
 
 
A OBA – Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica acontece este ano em sua vigésima sétima edição e a possibilidade de acontecerem medalhistas no Colégio Emilie é grande. O evento, aberto a todos os alunos de ensino fundamental e médio de escolas públicas e privadas, consiste em um exame de conhecimentos e de uma prova de lançamento de foguete.
 
A Sociedade Astronômica Brasileira em parceria com a Agência Espacial Brasileira, organizadoras do evento, emitem certificados pela participação. Conforme o resultado, os melhores alunos, a escola, a diretoria e os professores, além dos certificados, recebem medalhas.
 
A iniciativa da olimpíada existe desde 1998. O número de participantes é significativo. Em edições anteriores, chegou-se a mais de oitocentos mil alunos e cerca de oito mil escolas de todo o país e esses números têm crescido a cada ano. As atividades são realizadas em cada colégio. No caso do Emilie, aconteceu no dia 16 de maio. “Trata-se de um teste de conhecimento sobre corpos celestes, órbitas, satélites e meio ambiente”, conta o professor José Ortega de Ciências da Natureza.
 
A prova prática dos foguetes aconteceu no mesmo dia em um terreno especialmente dedicado a essa função. Agora é só aguardar o resultado. O site da OBA já publicou os gabaritos das provas, mas o resultado dos medalhistas será divulgado no segundo semestre. Ortega está confiante quanto aos alunos do Emilie: “pode acontecer algumas medalhas por aqui”.

 
 
 
 
  
 

CLIQUE AQUI para ver mais fotos.
  

 
04.06.2014 

 
Valorizando a cultura brasileira
 
 
Os alunos do 7º ano do EF vivenciaram com a Vivian Catenacci, uma experiência cultural muito interessante. A contadora de histórias trouxe lendas das diversas regiões do Brasil. Ela contou com muita graça, encanto e mistério, contos românticos, folclóricos, misteriosos e curiosos. Além disso, revelou como acontecem as rodas de canto, rodas de versos e como as pessoas se divertiam ao se reunirem e festejarem.

A oficina proporcionou o resgate da cultura brasileira e descobrir outras formas de manifestar as crenças e costumes que fazem parte da história de um país tão rico de diversidade como o Brasil. Complementou o trabalho realizado em sala de aula, no qual os alunos pesquisam e apresentam as características das manifestações culturais por regiões.
 
Que experiências como essa se repitam muitas e muitas vezes para que nossos alunos não apenas aprendam, mas valorizem nossa cultura!
 
 
Professora Cássia Cardoso

 
 
 
 
 
 

CLIQUE AQUI para ver mais fotos.
  

 

30.05.2014


 A figura do boi na cultura de Norte a Sul do Brasil

 

Os cortejos de dançadores e instrumentistas, chamados também de congadas, são festas da cultura brasileira, cuja principal característica é a presença de música, dança e representação teatral. A maioria possui uma origem religiosa, de louvação e agradecimento ao Divino, e ocorre em quase todo território brasileiro. As congadas chamadas de “folguedos”, por exemplo, acontecem em torno da figura de um Boi, onde o dançante se apresenta com passos que lembram o andar do Boi.


Conforme a região do Brasil o Boi tem uma denominação. Dentre as muitas temos: Bumba-meu-boi no Maranhão, Rio Grande do Norte, Alagoas e Piauí; Boi-bumbá no Amazonas e Pará; Boi-de-reis no Ceará e Espírito Santo; Boi-de-mamão no Paraná e Santa Catarina. Enfim, a denominação do Boi é o menos relevante. De Norte a Sul do Brasil encontramos festejos alegres, contagiantes e que cumprem seu papel, de fazer as pessoas se divertir, brincar e sorrir.


É assim na Região Sul do Brasil. O auto do boi está presente em Santa Catarina e no Paraná, onde é conhecido como Boi-de-mamão. Há também o boi Mandicuera que fica na Ilha dos Valadares em Paranaguá, dentre muitos outros
.


No Maranhão, a Festa do Bumba Meu Boi é o carro-chefe da cultura local e comemorada no carnaval. Hoje são centenas de grupos de Bumba Meu Boi no Maranhão, chamados de sotaques. Cada um tem seu estilo, cores, influências e instrumentos. Os principais sotaques são a Matraca, a Zabumba, a Orquestra, a Baixada e a Costa de Mão. O Bumba Meu Boi tem uma face religiosa já que a festa é celebrada, em data próxima ao dia de São João Batista, como uma forma de pagar promessas.


No Amazonas o Boi Garantido também surgiu de uma promessa. Lindolfo Monteverde, quando servia o exército adoeceu, ficando entre a vida e a morte. Fez uma promessa a São João Batista dizendo que se escapasse da morte, dançaria até o fim de sua vida pela cidade de Parintins com seu boi no dia do santo. Há também os seguidores do Boi Galante que participa da famosa festa embalada pelas Toadas de boi em ritmo mais acelerado.


Enfim, em todos os cantos do Brasil temos a cultura da festa do Boi, e cada uma possui toadas, personagens e narrações diferentes. Essa é a grande riqueza do “Boi” do Brasil.


0.05.2014

 

 

  Seres Afetivos – Seres Sexuados

 

 

Afetividade é a capacidade de cada pessoa vivenciar internamente os fatos que acontecem à sua volta. Todas as coisas que acontecem afetam, produzem ecos internos em cada um. Esses ecos são manifestados em forma de emoções e sentimentos como raiva, surpresa, alegria, amor, medo. A sexualidade, outro componente da personalidade humana, se revela num modo de ser, de se comunicar com os outros, de sentir, de expressar e de viver as relações e o próprio amor humano. Além de seres afetivos todos somos seres sexuados. O que cada um é, sente, pensa e faz é estruturado a partir de uma identidade que se vai construindo no decorrer da vida.

Um dos momentos para discutir esses assuntos com os alunos é o “Dia de Encontro” que ocorre fora da escola, com o objetivo de conhecer o próprio corpo, cuidar e valorizar a saúde psicoafetivo-corporal para, a partir disso, identificar e expressar os próprios sentimentos e desejos. Enfim, para conscientizar-se sobre as próprias decisões e fazer escolhas com responsabilidade.

No dia de encontro do 7º e 8º do Ensino Fundamental, os temas trabalhados foram:

7º ano
· Corpo e mudanças.
· O “indivíduo” e a adolescência: necessidades fisiológicas; afeto e sexualidade, drogas lícitas e ilícitas.
· Gênero na cultura local: o papel social masculino e feminino.
· Valores: respeito, compromisso, responsabilidade, o público e privado.

8º ano
· Indivíduo: puberdade, adolescência.
· Corpo: DSTs, gravidez; drogas lícitas e ilícitas.
· O pensar criativo, dinâmico; opinião própria; reações afetivas; conflitos.
· Valores: respeito, compromisso, responsabilidade, colaboração.

Portanto, sexualidade humana extrapola a função biológica. Para cada situação da vida ela se reveste de um significado especial para o corpo e o espírito, a razão e a emoção. Tratar de sexualidade e afetividade é lidar com um mundo de possibilidades e resgatar o amor, a beleza, o respeito e a comunicação entre pessoas.

 




 

Clique aqui para ver mais fotos


RELACIONADAS

Nenhuma notícia relacionada
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok